Tendência dos gols no campeonato maranhense de futsal adulto e sub-20 masculino

  • Ezequias Rodrigues Pestana Departamento de Educação Física, Universidade Ceuma, São Luís-MA, Brasil
  • Emanuel Péricles Salvador Departamento de Educação Física, Universidade Federal do Maranhão, São Luís-MA, Brasil
  • Marlon Lemos de Araújo Departamento de Educação Física, Universidade Federal do Maranhão, São Luís-MA, Brasil
  • Luiz Alexandre de Menezes Nunes Departamento de Educação Física, Universidade Ceuma, São Luís-MA, Brasil
Palavras-chave: Tendência, Categoria, Competição, Futsal

Resumo

O estudo objetivou apresentar a incidência dos gols marcados em duas categorias sub-20 e adulta masculina no campeonato maranhense de futsal. Estudo transversal, com a participação de 9, sendo 4 na sub-20 e 5 na principal, foram filmadas 16 partidas, bem como consulta às súmulas dos referidos jogos. Para tanto, foram categorizados os seguintes indicadores: 1- período em que foi convertido (1º, 2º, 3º, 4º, 5º, 6º,7º ou 8º) 2- distância em que a bola estava da meta (curta, média, longa e distante) e 3- localização na quadra (centro, ala direita, ala esquerda).  Os principais resultados observaram que as equipes da categoria sub-20, apresentaram maior incidência dos gols 20% no 4º período, diferente da categoria adulto com maior percentual 27% no 8º período. A região central da quadra concentrou maior quantidade de gols convertidos, tanto para as equipes da categoria sub-20, quanto para as equipes da categoria adulto, 75% e 62%, respectivamente. A curta distância (entre 0-6 metros) apresentou maior frequência de finalizações que originaram em gols, para a categoria sub-20 55% e adultos 54,06%. Conclui-se que houve diferença nos resultados, apenas, para o tempo de jogo, para local e distancia na quadra os resultados são semelhantes para ambas as categorias. Assim, este estudo indica que os parâmetros de incidência dos gols podem refletir acerca das estratégias metodológicas do treino para minimizar os erros e potencializar os acertos no jogo.

 

ABSTRACT 

Goal trends in the Maranhão men's and men's U-20 futsal championship

The study aimed to present the incidence of scored goals in two sub-20 and adult male categories in the futsal maranhense championship. A cross-sectional study, with the participation of 9, being 4 in the sub-20 and 5 in the main, 16 games were filmed, as well as consultation to the precedents of said games. To do so, the following indicators were categorized: 1- the period in which it was converted (1st, 2nd, 3rd, 4th, 5th, 6th, 7th or 8th) 2- distance in which the ball was at the goal (short, distant) and 3- location on the court (center, right wing, left wing). The main results observed that the teams in the U20 category had a higher incidence of goals 20% in the 4th period, different from the adult category with the highest 27% in the 8th period. The central region of the court concentrated a greater amount of converted goals, both for the teams of the sub-20 category, and for the teams of the adult category, 75% and 62%, respectively. The short distance (between 0-6 meters) had a higher frequency of finishes that resulted in goals, for the sub-20 category 55% and the adult 54.06%. It was concluded that there was a difference in results only, for the playing time, for place and distance on the court the results are similar for both categories. Thus, this study indicates that goal setting parameters can reflect on training methodological strategies to minimize errors and enhance game success.

Biografia do Autor

Ezequias Rodrigues Pestana, Departamento de Educação Física, Universidade Ceuma, São Luís-MA, Brasil
Departamento de Educação Física - Ciências da saúde

Referências

-Amaral, R.; Garganta, J. A modelação do jogo em futsal. Análise sequencial do 1x1 no processo defensivo. Revista Portuguesa de Ciências de Desporto. Porto. Vol. 5. Num. 3. 2005 p.298-310.

-Araújo, A. L. S.; Moreira, N. L.; de Moura, H. B.; Damasceno, V. O. Análise dos gols de equipes da categoria sub-15 em partidas de um torneio regional de futsal. Revista Brasileira de Futsal e Futebol. Vol. 7. Num. 23. 2015. p. 42-46. Disponível em: <http://www.rbff.com.br/index.php/rbff/article/view/317>

-Bezerra, R. B.; Navarro, A. C. Análise dos gols da VI Taça Brasil de Clubes 2010 na categoria sub-20 feminino. Revista Brasileira de Futsal e Futebol. Vol. 4. Núm. 11. 2012. p. 47-54. Disponível em: <http://www.rbff.com.br/index.php/rbff/article/view/124/122>

-David, G. B.; Picanço, L. M.; Reichert, F. F. Análise De Fatores Determinantes do gol no futsal feminino. Revista Brasileira de Futsal e Futebol. Vol. 6. Num. 19. 2014. p. 18-26. Disponível em: <http://www.rbff.com.br/index.php/rbff/article/view/225/208>

-Fukuda, J. P. S.; Santana, W. C. Análise de Gols em Jogos da Liga Futsal 2011. Revista Brasileira de Futsal e Futebol. São Paulo. Vol. 4. Núm. 2012. 11. p.62-66. Disponível em: <http://www.rbff.com.br/index.php/rbff/article/view/125/124>

-Garganta, J. A análise da performance nos jogos desportivos. Revisão acerca da análise do jogo. Revista portuguesa de ciências do desporto. Porto. Vol. 1. 2001. p. 57-64.

-Garganta, J; Mesquita, I. (Eds.). Olhares e contextos da performance nos jogos desportivos. Porto: Porto. FCDEFUP. 2008. p. 108-121.

-Marchi, R.; e colaboradores. Incidência de gols resultantes contra-ataques de equipes de futsal. Conexões. Campinas. Vol. 8. Num. 3. 2010. p. 16-22.

-Massardi, F. P.; Oliveira, M. C.; Navarro, A. C. A incidência de gols na liga de futsal feminina nos anos 2010 e 2011. Revista Brasileira de Futsal e Futebol. São Paulo. Vol. 3. Num. 9. 2011. p. 229-235. Disponível em: <http://www.rbff.com.br/index.php/rbff/article/view/102/96>

-Pestana, E. R.; e colaboradores. Tendência dos gols no campeonato Maranhense de Futsal adulto e Sub-20 Masculino. Revista Brasileira de Futsal e Futebol. São Paulo. Vol. 9. Num. 34. 2017. p. 327-332. Disponível em: <http://www.rbff.com.br/index.php/rbff/article/view/518>

-Santana, W. C.; e colaboradores. Análise dos gols em jogos de futsal feminino de alto rendimento. R. bras. Ci. e Mov. Vol. 21. Num. 4. 2013. p. 157-165.

-Santos, M.A.B.; Navarro, A.C. Análise dos gols da copa do mundo de futsal da Fifa 2008. Revista Brasileira de Futsal e Futebol. Vol. 2. Num. 4. 2010. p. 33-37. Disponível em: <http://www.rbff.com.br/index.php/rbff/article/view/39/39>

-Siqueira, O. D.; e colaboradores. O tempo de incidência dos gols em equipes de diferentes níveis competitivos da liga nacional de futsal. Rev. Bras. Ciênc. Esporte. Vol. 36. Num. 2. 2014. p. 789-801.

Publicado
2018-10-14
Seção
Artigos Científicos - Original