Fatores motivacionais para a prática da iniciação ao Futsal

  • Rogério da Cunha Voser ESEF - UFRGS
  • Henrique Policarpo Piccinin Horus Faculdades/SC
  • José Augusto Evangelho Hernandez Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ)
  • Patrícia Eloí Gomes Voser Instituição Educacional São Judas Tadeu.
Palavras-chave: Motivação, Psicologia do Esporte, Futsal

Resumo

O estudo objetivou identificar os motivos para a prática da iniciação ao futsal. Compôs a amostra 88 praticantes de futsal de ambos os sexos, com idade entre 7 a 17 anos das categorias de base de uma Escolinha do município de Saltinho-SC. Foi aplicado o Inventário de Motivação para a Prática Desportiva de Gaya e Cardoso (1998). Com relação aos resultados, a média mais elevada foi a competência esportiva (2,7) seguida de saúde (2,6) e amizade e lazer (2,2). O Teste T de Student revelou que a média da competência desportiva superou a da saúde e a da amizade, além disso, a média da saúde superou a da amizade (p<0,05). Não foram encontradas correlações estatísticas significativas entre a idade, o tempo de prática dos participantes e as três dimensões da motivação. Também não houve diferença significativa na motivação entre os sexos.

 

ABSTRACT 

Motivational factors for the practice of the futsal initiation

This study aimed to identify the reasons for the practice of the futsal initiation. Its sample was composed by 88 futsal practitioners of both sexes, aged from 7 to 17 years who are part of the basic categories of the City School of Atletas do Futuro from Saltinho-SC state. The data collection instrument used was the Inventory Motivation for Sports Practice of Gaya and Cardoso (1998). Concerning results, the highest average presented was sport competence (2.7), followed by health (2.6) and, after, friendship and recreation (2.2). The Student T Test revealed that the average sportsmanship surpassed that of health and friendship, moreover, the average health topped the friendship (p <0.05). There were no statistically significant correlations between age, time of practice of the participants and the three dimensions of motivation. There was also no significant difference in motivation between the sexes of respondents.

Biografia do Autor

Rogério da Cunha Voser, ESEF - UFRGS

Doutor em Ciências da Saúde na PUCRS, em 2006. Mestre em Ciências do Movimento Humano pela Escola de Educação Física da UFRGS, em 1998. Especialista em Ciências do Futebol e do Futebol de Salão pelas Faculdades Integradas Castelo Branco Centro Educacional de Realengo, em 1990. Licenciado em Educação Física pela ESEF-UFPEL, em 1988. Graduado em Fisioterapia pela ULBRA, em 1999. Foi atleta de várias equipes de Futsal do estado, atuou na Espanha, preparador físico do Inter/ULBRA e técnico da equipe juvenil da ULBRA. Tem experiência em escolas do município e particular. Consultor de vários cursos de Graduação e Especialização. É avaliador e.MEC-INEP. Atualmente é Professor Adjunto nível 3 da Escola de Educação Física da Universidade Federal do Rio Grande do Sul nas Disciplinas de Futsal Fundamentos e Futsal Técnicas Avançadas na ESEF/UFRGS. Já trabalhou também na ULBRA, PUCRS, Facos e São Judas Tadeu/RS. Ministra cursos de Futsal e Iniciação aos Esportes por todo o Brasil (extensão e pós-graduação). Autor dos livros Iniciação ao futsal: abordagem recreativa; Análise das Intervenções Pedagógicas em Programas de Iniciação ao Futsal; A Criança e o Esporte: uma perspectiva lúdica; Futsal: princípios técnicos e táticos; Futsal e a Escola: uma perspectiva pedagógica; Futebol: História, Técnica e Treino de Goleiro e Ensino dos Esportes Coletivos: uma abordagem recreativa.

Henrique Policarpo Piccinin, Horus Faculdades/SC
Professor Especialista em Futsal, trabalha em escolinhas de futsal.
José Augusto Evangelho Hernandez, Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ)

Doutor em Psicologia do Desenvolvimento (UFRGS)
Professor Adjunto DE - Departamento de Fundamentos da Psicologia na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ).

Patrícia Eloí Gomes Voser, Instituição Educacional São Judas Tadeu.
Possui mestrado em Administração pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (2005), Especialização em Administração e Formação de Recursos Humanos (2000) e graduação em Letras/Tradutor pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1991). Tem capacitação em Docência no Ensino à Distância. Atualmente atua em cursos de Especialização nas disciplinas  Iniciação à Pesquisa, Metodologia da Pesquisa e Leitura e Produção Textual.
Publicado
2016-03-03
Como Citar
Voser, R. da C., Piccinin, H. P., Hernandez, J. A. E., & Voser, P. E. G. (2016). Fatores motivacionais para a prática da iniciação ao Futsal. RBFF - Revista Brasileira De Futsal E Futebol, 8(29), 175-180. Recuperado de http://www.rbff.com.br/index.php/rbff/article/view/410
Seção
Artigos Científicos - Original

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##