Impacto da covid-19 e o acúmulo de jogos das equipes do campeonato brasileiro da série A em 2021

  • Marcos Paulo Lopes Universidade Federal do Paraná, Brasil.
  • Julimar Luiz Pereira Universidade Federal do Paraná, Brasil.
  • Marcos Eduardo Walczak Universidade Federal do Paraná, Brasil.
Palavras-chave: Covid-19, Calendário Futebol Brasileiro, Temporada 2021

Resumo

A pandemia da COVID-19 atingiu a todos no mundo nos últimos dois anos. Todas as áreas das vidas foram afetadas, incluindo o futebol. O futebol brasileiro, como não poderia deixar de ser, precisou ser reformulado em questão de meses e os atletas foram os mais atingidos. Vimos campeonatos começando em um ano e terminando em outro e exigindo mais ainda dos atletas de futebol. Caracterizado como análise quantitativa, baseado nos calendários fornecidos pelas Federações Estaduais de Futebol, Confederações Brasileira de Futebol e Sul-americana (CONMEBOL), o objetivo desse estudo foi analisar o impacto da COVID-19 no calendário e o acúmulo de jogos a que foram submetidas as equipes. Ao analisar os números, vimos equipes atingindo mais de 130 jogos em sequência, com pouco mais de três dias e meio de recuperação entre as partidas o que, fisiologicamente, é algo absurdo. Concluímos, então, que há houve uma exigência enorme em cima dos atletas do futebol brasileiro. Equipes buscando melhorar as suas questões financeiras, sendo submetidas a quatro, cinco campeonatos em paralelo, sem trazer descanso adequado aos jogadores e comissões, que veem seus planos de treinamento sendo trocados por um modelo sem preparação alguma para os atletas, desconsiderando o que se estuda em termos de excesso de carga, destreinamento e recuperação. Finalmente haveria, nessa temporada, a oportunidade de uma valorização de equipes menores em termos de conquista de títulos, dando mais visibilidade a jogadores e mais tempo para as principais equipes se prepararem para as principais competições do calendário.

Referências

-Clemente, F. M.; Rabbani, A.; Conte, D.; Castillo, D.; Afonso, J.; Truman Clark, C. C.; Nikolaidis, P. T.; Rosemann, T.; Knechtle, B. Training/Match External Load Ratios in Professional Soccer Players: A Full-Season Study. International journal of environmental research and public health. Vol. 16. Núm. 17. 2019. https://doi.org/10.3390/ijerph16173057

-Gabbett, T.J. The training-injury prevention paradox: should athletes be training smarter and harder? British Journal of Sports Medicine. Vol. 50. p.273-280. 2016.

-García-Aliaga, A.; Marquina, M.; Cordón-Carmona, A.; Sillero-Quintana, M.; De la Rubia, A.; Refoyo Román, I. Comparative Analysis of Soccer Performance Intensity of the Pre-Post-Lockdown COVID-19 in LaLiga™. International Journal of Environmental Research and Public Health. Vol. 18. Núm. 7. p.3685. 2021. https://doi.org/10.3390/ijerph18073685

-https://www.cbf.com.br/futebol-brasileiro/noticias/index/cbf-publica-calendario-revisado-da-temporada-2020

Acesso em 10/11/2021.

-https://www.cnnbrasil.com.br/esporte/2021/06/15/clubes-da-serie-a-decidem-criar-liga-para-organizar-campeonato-brasileiro. Acesso em 10/11/2021.

-https://www.cbf.com.br/futebol-brasileiro/noticias/campeonato-brasileiro/cbf-publica-calendario-de-2020-com-datas-fifas-livres-e-16-datas-para. Acesso em 10/11/2021.

-https://www.espn.com.br/futebol/artigo/_/id/8844498/liga-tem-promessa-de-r-3-bilhoes-brasileirao-maior-menos-rebaixados-e-debate-sobre-clubes-na-gestao. Acesso em 10/11/2021.

-Leventer, L.; Eek, F.; Lames, M. Intra-seasonal variation of injury patterns among German Bundesliga soccer players. Journal of science and medicine in sport. Vol. 22. Núm.6. p.661-666. 2019. https://doi.org/10.1016/j.jsams.2018.12.001.

-Mon-López, D.; García-Aliaga, A.; Ginés Bartolomé, A.; Muriarte Solana, D. How has COVID-19 modified training and mood in professional and non-professional football players?. Physiology & behavior. Vol. 227. p113-148. 2020. https://doi.org/10.1016/j.physbeh.2020.113148

-Nédélec, M.; Halson, S.; Abaidia, A. E.; Ahmaidi, S.; Dupont, G. Stress, Sleep and Recovery in Elite Soccer: A Critical Review of the Literature. Sports medicine. Vol. 45. Núm. 10. p.1387-1400. 2015. https://doi.org/10.1007/s40279-015-0358-z.

-Tom, G. A.; Stevens, C. J.; Ruiter, J. W. R.; Twisk, G. J. P.; Savelsbergh, P. J. Quantification of in-season training load relative to match load in professional Dutch Eredivisie football players. Science and Medicine in Football. Vol. 1. Núm. 2. p.117-125. 2017. DOI: 10.1080/24733938.2017.1282163

-Suarez-Arrones, L.; De Alba, B.; Röll, M.; Torreno, I.; Strütt, S.; Freyler, K.; Ritzmann, R. Player Monitoring in Professional Soccer: Spikes in Acute:Chronic Workload Are Dissociated From Injury Occurrence. Front. Sports Act. Living. Vol. 2. Núm. 75. 2020. doi: 10.3389/fspor.2020.00075.

Publicado
2022-06-20
Como Citar
Lopes, M. P., Pereira, J. L., & Walczak, M. E. (2022). Impacto da covid-19 e o acúmulo de jogos das equipes do campeonato brasileiro da série A em 2021. RBFF - Revista Brasileira De Futsal E Futebol, 14(57), 147-153. Recuperado de http://www.rbff.com.br/index.php/rbff/article/view/1235
Seção
Artigos Cientí­ficos - Original