Relação existente sobre as capacidade físicas demarcadas, por meio da dermatoglifia nas séries bronze, prata e ouro do Futsal gaúcho e Liga Nacional por posição tática de jogo

  • Daiane Tappar Universidade de Passo Fundo (UPF), Passo Fundo-RS, Brasil.
  • Ben Hur Soares Universidade de Passo Fundo (UPF), Passo Fundo-RS, Brasil.
  • Adriano Alberti Universidade do Sul de Santa Catarina (UNISUL), Palhoça-SC, Brasil.
  • Rudy José Nodari Júnior Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc), Joaçaba-SC, Brasil.
  • Josiane Aparecida de Jesus Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc), Joaçaba-SC, Brasil.
Palavras-chave: Perfil dermatoglífico de atletas, Impressões digitais, Futsal

Resumo

O presente trabalho, de cunho descritivo, teve como objetivo verificar a relação existente sobre as capacidades físicas demarcadas, através da dermatoglifia, nas séries bronze, prata e ouro do Futsal Gaúcho e Liga Nacional, em atletas do sexo masculino, atuantes na categoria adulta profissional dos clubes: CER Atlântico com sede na cidade de Erechim-RS, disputando a Liga Nacional de futsal; AMF-Associação Marauense de Futsal, da cidade de Marau-RS, disputando a Série Prata; Clube Atlético Guarany da cidade de Espumoso-RS, pela Série Ouro e o Clube SERCCA-Sociedade Esportiva Recreativa Cultural de Casca-RS, pela Série Bronze, em seguida avaliando as capacidades físicas predominantes em atletas do futsal gaúcho e as características dermatoglificas dos atletas conforme posição tática. Para tanto, foram analisadas as impressões digitais de cada atleta desta modalidade utilizando-se o Leitor Dermatoglífico Gold Standard da Dermatoglifia (Nodari Junior e colaboradores, 2014), para se fazer as coletas dos dados. Foram considerados, como amostra, 40 atletas, com idades entre 18 e 39 anos. Na investigação foram obtidas características dermatoglíficas com base no protocolo de CUMMINS e MIDLO (1961) com distinção para três grupos de desenhos: arco (A), presilha(L) e, verticilo(W). Os resultados mostraram que não houve diferença significativa entre os grupos estudados, quanto ao Somatório da Quantidade Total de Linhas e os tipos de figuras. A maior predominância entre os grupos foi da Presilha Ulnar, e de forma individualizada foi a Presilha Radial, seguida de Verticilo e de Arco, demonstrando a maior predominância de velocidade pura, seguida pela resistência, coordenação e força pura.

 

Biografia do Autor

Ben Hur Soares, Universidade de Passo Fundo (UPF), Passo Fundo-RS, Brasil.
Nascido em Marau n- RS em 08 de dezembro de 1971, formou-se em Educação Física em 1992, Especialização em Ciências dos Desportos coletivos voltada ao em 1997, Ingrssou como professor universitário na Universidade de Passo Fundo - UPF em 1998 até o momento, Mestre em ciencias da Saúde Humana - UNC / SC 2002, Mestre em Envelhecimento Humano UPF - 2014.Bi Campeão Brasileiro como preparador físico.

Referências

-Abramova, T. F.; Nikitina T.M.; Chafranova, A. Impressões dermatoglíficas: marcas genéticas na seleção nos tipos de esporte. Atualidades na preparação de atletas nos esportes cíclicos. Coletânea de artigos científicos Genética e treinamento esportivo: o uso prático da dermatoglifia. Volvograd. 1995.

-Abramova T.F.; Jdanova, A.G.; Nikitina, T.M. Impressões Dermatoglíficas e Somatotipo: marcas de constituição de diferentes níveis. Atualidades médicas e antropológicas nos esportes. Moscou. 2005.

-Abramova, T. F.; Izaak, S. I.; Kochetkova, N. I. Asymmetry of signs of finger dermatoglyphics, physical potential and physical qualities of a man. Morfologia. Vol. 118. Núm. 5. 2000. p.56-59.

-Abramova, T.; Nikitina, T.; Ozolin, N. DE l'utilisation des dermatoglyphes digitaux dans la selection des sportifs. Teor Prak Fiz Kult. Vol. 3. 2013. p.10-15.

-Alberti, A.; Fin, G.; Souza Vale, R.G.; Soares, B.H.; Nodari, R. Jr. Dermatoglifia: as impressões digitais como marca característica dos atletas de futsal feminino de alto rendimento do Brasil. Revista Brasileira de Futsal e Futebol. Vol.10. 2018. p.193-201. Disponível em: <http://www.rbff.com.br/index.php/rbff/article/view/575>

-Alonso, L.; Dantas, P. M.; Filho, J. F. A dermatoglifia no Futsal Brasileiro de Alto Rendimento. Fitness & Perfomace Journal. Vol. 3. Núm. 3. 2004. p.136-142.

-Alves, J. M. V. M. O treino da Força no Futebol. Porto. 2004.

-Assef, M.; Oliveira, A.; Alonso, L. Dermatóglifos como preditores da coordenação motora em atletas da seleção brasileira feminina de futebol sub-17. Revista Digital. Vol. 14. Núm. 132. 2009. p.1-8.

-Barbero-Alvarez, J. C.; Soto, V. M.; Barbero-Alvarez, V.; Granda-Vera, J. Match analysis and heart rate of futsal players during competition. Journal Sports Science. Vol. 26. 2008. p.63-73.

-Castagna, C.; D'ottavio, S.; Vera, J. G.; Alvarez, J. C. Match demands of professional futsal: a case study. Journal Science Medicine Sport. Vol. 12. 2009. p.490-494.

-Cummins, H.; Midlo, C. H. Finger Prints, Palms and Soles an Introduction to Dermatoglyphics. New York: Dover Publications. 1961.

-Cunha Junior, A.T.; Dantas, P.M.S.; Fernandes Filho, J.; Nogueira, T. Perfil somatotípico, dermatoglífico e das qualidades físicas da seleção brasileira de handebol feminino adulto por posição de jogo. F&PJ 4. 2005. p.236-241.

-Dantas, P.M.S.; Alonso, L., Fernandes Filho, J. A Dermatoglifia no Futsal Brasileiro de Alto Rendimento. Fitness & Performance Journal. Rio de Janeiro. Vol. 3. Núm. 3. 2004. p.136-142.

-Dantas, P. M. S.; Fernandes, P. R.; Ganime, F. B.; Ribeiro, E. M.; Brüch, V. L.; Caruso, P.; Batista, L. A.; Fernandes Filho, J. Dermatoglyphics characteristics of the brazilian high performance athletes of sportive modalities. Journal of the International Federation of Physical Education. Vol. 74. Núm. 1. 2004. p.124-128.

-João, A. Identificação do perfil genético, somatotípico e psicológico das atletas brasileiras de ginástica olímpica feminina de alta qualificação esportiva, Artigo publicado na Revista Fitness e Performance. Vol.1. Núm. 2. 2002.

-Mavalwala, J.; Mavalwala, P.; Kamali, S. M. Issues of sampling and of methodologies in dermatoglyphics. Birth Defects Orig Artic Ser. Vol. 27. Núm. 2. 1991. p.291-303.

-Medina, M. F. Identificação dos perfis genético e somatotípico que caracterizam atletas de voleibol masculino adulto de alto rendimento no Brasil. Fitness & Performance Journal. Vol. 1. Núm. 4. 2002. p.12-20.

-Nanakorn, S.; Poosankam, P.; Mongconthawornchai, P. Perspective automated inkless fingerprinting imaging software for fingerprint research. J Med Assoc Thai. Diagnóstico da Situação e Sugestão de Metodologia para a Elaboração de Políticas Públicas para a Orientação da Vocação Esportiva dos Jovens da Grande Aracaju. Vol. 91. Núm. 1. 2008. p.82-85.

-Nascimento, P. C.; Lucas, R. D.; Pupo, J. D.; Arins, F. B.; Castagna, C.; Guglielmo, L. G. A. Effects of four weeks of repeated sprint. Rev Bras Cineantropom desempenho hum. Vol. 17. 2015. p.91-103.

-Nikitiuk, B. A. In: simpósio de trabalhos científicos da rússia: prática e conferência, Rimelnintski. Anais. Rimelnintski, Artigo: Perfil Dermatoglífico e Determinação da Frequência Genotípica da Actn3 em Atletas Promessas Olímpicas. 1988.

-Nodary Junior, R. J.; Heberle, A.; Emydgio, R. E; Kanckfuss, M. F. Impressões digitais para diagnóstico em saúde: validação de protótipo de escaneamento informatizado. Rev. Salud Pública. Vol. 10. Num. 5. 2008. p.767.

-Nodary Junior, R. J.; Heberle, A.; Emydgio, R. E; Kanckfuss, M. F. Dermatoglyphics: Correlation between software and traditional method in kineanthropometric application. Revista Andaluza Medicina del Deporte. Vol. 7. Núm. 2. 2014. p.60-65.

-Nodari Junior, R. J.; Gracielle F. Dermatoglifia: impressões digitais como marca genética e de desenvolvimento fetal. Joaçaba: Editora Unoesc. 2016. p. 54.

-Nodari Júnior, R. J.; Panizzi Junior, C.; Jesus, J. A.; Alberti, A.; Souza, R.; Sartori, G.; Fin, G. Elite Futsal Athletes: Dermatoglyphic Profil, Return To Play. Isokinetic Abstract Book. 2016.

-Paiva Neto, F. T.; Mourão, D. F. A. Impressões Sobre A Dermatoglifia Na Detecção De Talentos Esportivos. Vol. 12. Núm. 1. 2016. p.106-118.

-Pereira, J. C. R.; Análise dos dados qualitativos: estratégias metodológicas para as ciências da saúde, humanas e sociais. 3ª edição. São Paulo. Edusp. 2001.

-Ramos-Campo, D. J.; Rubio-Arias, J. A.; Carrasco-Poyatos, M.; Alcaraz, P. E. Physical performance of elite and subelite Spanish female futsal players. Biol Sport. Vol. 33. Num. 3. 2016. p.297-304.

-Ré, A.N. Características do Futebol e do futsal: Implicações para o Treinamento de Adolescentes. Revista digital. Buenos Aires. Vol. 13. Núm. 127. 2008.

-Saad, M. A. Estruturação das sessões de treinamento técnico-tático nos escalões de formação do futsal. Dissertação apresentado a Coordenação de Pós-Graduação em Educação Física da Universidade Federal de Santa Catarina. Março de 2002.

-Santana, W. C. Futebol de salão e futsal: 70 e poucos anos de história. 2011. Disponível em: <http://www.pedagogiadofutsal.com.br/historia. php>. 2011

-Silva Dantas, P. M. Relação entre estado e predisposição genética no futsal brasileiro. 2004. Tese Doutorado em Ciências da Saúde. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Natal. 2004.

-Silva, I. D.; Dantas, P.; Mattos, M. A correlação entre dermatoglifia e maturação e a sua utilização na educação física escolar. In: encontro fluminense de educação física escolar. A licenciatura em foco: a formação do professor de educação física escolar. 9. 5005. Anais. Rio de Janeiro. 2005.

-Voser, R. C.; Moreira, C. M.; Voser, P. E. G. A Motivação para prática do futsal: um estudo com atletas na faixa etária entre 13 a 18 anos. Revista Brasileira de Futsal e Futebol. Vol. 8. Núm. 28. 2016. p.39-45. Disponível em: <http://www.rbff.com.br/index.php/rbff/article/view/384>

-Witter, J. S. O que é futebol? São Paulo: Brasiliense. 1990.

Publicado
2019-11-27
Como Citar
Tappar, D., Soares, B. H., Alberti, A., Nodari Júnior, R. J., & de Jesus, J. A. (2019). Relação existente sobre as capacidade físicas demarcadas, por meio da dermatoglifia nas séries bronze, prata e ouro do Futsal gaúcho e Liga Nacional por posição tática de jogo. RBFF - Revista Brasileira De Futsal E Futebol, 11(44), 328-336. Recuperado de http://www.rbff.com.br/index.php/rbff/article/view/781
Seção
Artigos Científicos - Original