Análise comparativa da agilidade de atletas escolares

Hermeson Ramilles Lopes de Sousa, Gessica Gomes Ribeiro, Wellington dos Santos Alves

Resumo


A agilidade consiste em uma variável neuromotora caracterizada pela capacidade de ocorrer trocas rápidas de direção e sentido, ocorrendo um deslocamento do centro da gravidade de todo corpo ou parte dele. O objetivo deste estudo é analisar a agilidade de jovens atletas, comparando e relacionando com o esporte e posição do atleta. A população foi formada por escolares de ambos os sexos, entre 14 a 17 anos, do colégio Diocesano de Teresina-PI, sendo avaliados através do Teste de corrida de vai-e-vem (ShuttleRun Test). O principal achado deste estudo foi que os meninos são mais ágeis e os atletas do futsal tiveram melhor desempenho no teste que os do basquete. Existiu uma relação entre a posição do jogo e agilidade. Notou-se uma diferença na média de tempo entre os atletas nas diferentes posições, como é o caso dos alas que obtiveram as menores médias entre todos e os pivôs, que por sua vez possuíram a maior média, sendo menos ágeis que os demais. Diante do exposto, conclui-se que a posição do atleta no jogo influencia na agilidade, especialmente nos esportes que requerem grande quantidade de movimentos e mudanças de direção, como futsal e basquete.

 

ABSTRACT 

Comparative analysis of agility of school athletes

Agility consists of a neuromotor variable characterized by the capacity for rapid changes of direction, with a displacement of the center of gravity of all body or part of it. The aim of this study is to analyze the agility of young athletes, comparing and relating to the athlete's sport and position. The population was formed by schoolchildren of both sexes, aged 14 to 17 years, of the Colégio Diocesano of Teresina-PI, Brazil, being evaluated through the Shuttle Run Test. The main finding of this study was that the boys are more agile and the futsal athletes had better performance in the test than those of basketball. There was a relationship between the position of the game and agility. There was a difference in the average time between athletes in the different positions, as in the case of the wings that obtained the lowest averages among all, and the pivots, which in turn had the highest mean, being less agile than the others. In view of the above, it is concluded that the athlete's position in the game influences agility, especially in sports that require a lot of movements and changes of direction, such as futsal and basketball.


Palavras-chave


Movimento; Atletas; Exercício

Texto completo:

PDF

Referências


-Barbanti, V. J. Treinamento esportivo: as capacidades motoras dos esportistas. Barueri (SP): Manole, 243p., 2010.

-Bonfante, I.L.P.; Da Luz, R.M.F.; Lopes, W.A. Perfil da aptidão física de equipe feminina de futsal de alto rendimento conforme função desempenhada em jogo. Revista Brasileira de Futsal e Futebol. Vol. 4. Núm. 12. p.131-139. 2012. Disponível em:

-Damico, D.M.; Junqueira, A.P.R.; Machado Filho, R. Diferenças de velocidade e agilidade entre praticantes e não praticantes de futsal na fase pré-púbere da cidade de Petrópolis-RJ. Revista Brasileira de Futsal e Futebol. Vol. 5. Núm. 16. p.99-104. 2013. Disponível em:

-Fessi, M.S.; Makni, E.; Jemni, M. Reliability and criterion-related validity of a new repeated agility test. Biol Sport. Vol. 33. Núm. 2. p.15-164. 2016.

-Guedes, D. P.; Guedes, J. E. R. P. Manual prático para avaliação em educação física. Manole. 484p. 2006.

-Hachana, Y.; Chaabène, H.; Ben Rajeb, G.; Khlifa, R.; Aouadi, R. Validity and Reliability of New Agility Test among Elite and Subelite under 14- Soccer Players. PLoS ONE. Vol. 9. Núm. 4. p. e95773. 2014.

-Hallal, P.; Knuth, A.; Cruz, D.; Mendes, M.; Malta, D. Prática de atividade física em adolescentes brasileiros. Ciência & Saúde Coletiva. p.3035-3042. 2010.

-Marinho, J. P. C.; Lamboglia, C.; Neves, M. H.; Pinheiro, P.; Freitas, P. R. A.; Lima, D. L. F. Avaliação da agilidade em atletas não profissionais de futebol. Coleção Pesquisa em Educação Física. Vol. 10. Núm. 2. p.39-44. 2011.

-Marins, J. C. B.; Giannichi, R. S. Avaliação & Prescrição de Atividade Física. 3ª edição. Shape. 2003.

-Ré, A.H.N.; Teixeira, C.P.; Massa, M.; Böhme, M.T.S. Interferência de características antropométricas e de aptidão física na identificação de talentos no futsal. R. bras. Ci. e Mov. Vol. 11. Núm. 4. p.51-56. 2003.

-Spasic, M.; Krolo, A.; Zenic, N.; Delextrat, A.; Sekulic, D. Reactive Agility Performance in Handball, Development and Evaluation of a Sport-Specific Measurement Protocol. Journal of Sports Science and Medicine. p.501-506. 2015.

-Tozetto, A. V. B.; Milistetd, M.; Medeiros, T. E.; Ignachewski, W. L. Desempenho de jovens atletas sobre as capacidades físicas, flexibilidade, força e agilidade. Cinergis. Vol. 13. Núm. 2. 2013.


Apontamentos

  • »


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBFF - Revista Brasileira de Futsal e Futebol

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Antonio Coppi Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato:aqui