Projeto Estácio FIC/FUT3: o que ele representa para adolescentes

Thiago Moreira Dantas, Danilo Lopes Ferreira Lima

Resumo


O esporte agrega diversos valores aos seus participantes como coletivismo, amizade e solidariedade, sendo esses valores indispensáveis para suas vidas. Os membros de classes sociais de menor poder aquisitivo tendem a ter o esporte como uma forma de elevação social, e com isso podem representar uma auto realização, já que muitos vivem em áreas que não lhes fornece condições de ter direito a uma cidadania plena. O futebol tem grande influência em seus praticantes, pois exigem grandes mudanças nas posturas como pessoa e atleta. Hoje, o atleta que vive em área de risco, tem uma possibilidade, através do esporte, de ter acesso à escola de qualidade, ter convívio saudável com outros jovens, aprender a respeitar regras e hierarquia. Esse jovem pode até não tornar-se um atleta, mas através do esporte terá todas as ferramentas para torna-se um cidadão. O objetivo do presente estudo foi investigar a influência do Projeto de Futebol Estácio FIC/FUT3 e do futebol na vida de adolescentes. Foram realizadas entrevistas com 15 adolescentes entre 14 e 17 anos que participam do Projeto de Futebol Estácio FIC/FUT3. A coleta de dados foi realizada através de uma entrevista que tinha como questão inicial a importância do Projeto de Futebol Estácio FIC/FUT3 para sua vida. Depois transcritas, as entrevistas foram submetidas à metodologia de Análise de Conteúdos que encontrou os que seguintes conteúdos: Drogas e más amizades; Convívio social e a escola; Futuro melhor. Pode-se concluir que a grande procura por um projeto de futebol deve-se ao sonho de oportunidades. Através do projeto existe a reintegração desses jovens à sociedade, uma mudança comportamental e a criação de um cidadão que vê no esporte uma possibilidade de mudança de vida e conduta.

 

ABSTRACT 

Estácio FIC/FUT3 Project: What it represents for teenagers

The sport adds several values to its participants as collectivism, friendship and solidarity, being these values indispensable for their lives. Members of lower income social classes tend to have sport as a form of social upward mobility, and as such may represent self-fulfillment, since many live in areas that do not provide them with the right to a full citizenship. Football has great influence on its practitioners, since they require great changes in postures as a person and an athlete. Today, the athlete living in an area of risk has the possibility, through sport, of having access to a quality school, having a healthy relationship with other young people, learning to respect rules and hierarchy. This young may not even become an athlete, but through sport he will have all the tools to become a complete citizen. The aim of the present study was to investigate the influence of the Estácio FIC/FUT3 Football Project and football in the life of adolescents. Interviews were conducted with 15 adolescents between 14 and 17 years old who participated in the Estácio FIC / FUT3 Football Project. After transcribed, the interviews were submitted to the Content Analysis methodology that found the following contents: Drugs and bad friendships; social welfare and school; Better future. One can conclude that the great demand for a football project is due to the dream of opportunities. Through the project there is the reintegration of these young people into society, a behavioral change and the creation of a citizen who sees in sport a possibility of change of life and conduct.


Palavras-chave


Futebol; Educação; Reforço; Social

Texto completo:

PDF

Referências


-Alcântara, H. A magia do futebol. Estudos avançados. Vol. 20. Núm. 57. p. 297-313. 2006.

-Borsari, J. R. Futebol de campo. São Paulo. EPU. 1989. p. 82.

-Brasil. Estatuto da criança e do adolescente. 2013. Disponível em: Acesso em: 01/05/2015.

-Cadoti, M. Qualidade na educação: uma nova abordagem, In: Congresso de Educação Básica: Qualidade na aprendizagem. 2013 Florianópolis. Anais... Florianópolis. 2013.

-Capelinha, J. A qualidade das relações de amizade na adolescência e suas implicações ao nível do autoconceito e da auto-estima. Dissertação de Mestrado em Psicologia. Instituto Universitário Ciências Psicológicas, sociais e da vida. Lisboa. 2013.

-Centro Brasileiro De Informações Sobre Drogas. Consumo de Drogas-CEBRID. 2010. Disponível: . Acessado em: 25/03/2015.

-Chaves, W. M. Cultura, valores e Educação Física escolar. VIII Encontro Fluminense de Educação Física Escolar, 08, 2004, Niteroi-RJ. Anais... Niteroi-RJ. Universidade Federal Fluminense. 2004. p. 174-177.

-Cruz, A. R. Futebol Brasileiro: um caminho para a inclusão social. São Paulo. Esfera. 2003. p. 112.

-FIFA. Federation International De Football Association. Grande contagem FIFA 2006: 270 milhões de pessoas ativas no futebol. Disponível em: Acesso em: 07/04/2015.

-Mafra, J. Inclusão Social. Brasil Escola, 2007. Disponível em: . Acesso em: 12/04/2014.

-Matheus, T. C. O discurso adolescente numa sociedade na virada do século. Psicologia USP. Vol. 14. Núm. 1. 2003.

-Miranda, R.; Filho, M. Construindo um atleta vencedor: uma abordagem psicofísica do esporte. Artmed. 2008. p. 141-154

-Murad, M. F. Para entender a violência no futebol. Benvirá. 2012. p. 237.

-Oliveira, M. Futebol: perspectiva de inclusão e ascensão social. In: Congresso Regional de Educadores. 2008. Uberaba. Anais... Uberaba. 2008.

-Paim, M. C. C. Fatores motivacionais e desempenho no futebol. Revista da Educação Física/UEM. Vol. 12. Núm. 2. p. 73-79. 2001.

-Paiva, A. R. Juventude, cultura cívica e cidadania. Garamond, 2013. p. 27-35.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBFF - Revista Brasileira de Futsal e Futebol

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Antonio Coppi Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato:aqui