Efeito do treinamento de força máxima sobre o desempenho motor no Jump Test e nos teste de 1RM em atletas de Futsal

Jackson Faustino Ferreira, Braúlio Pereira Alves, Denise Alves Gomes

Resumo


O objetivo desse estudo foi de avaliar e analisar o desenvolvimento da força de atletas do município de Juatuba MG. O grupo foi formado por 09 atletas de futsal nascidos em 1998 e 1999 (202,6 ± 6,18 meses de idade). Os atletas foram submetidos a avaliações motoras como o teste de impulsão vertical sem auxílio dos braços (IVS), e o teste de 1RM no banco extensor e na barra guiada. A composição corporal contou com a avaliação de gordura corporal 09 dobras cutâneas Yuhasz/Faulkner (1968) e obtenção de índice de massa corporal (IMC). Os indivíduos foram ainda submetidos a duas semanas de treinos de força máxima, dois dias por semana e em seguida novamente avaliados para mensurar seus ganhos de força nos membros inferiores. Os resultados se mostraram em sua maioria significativos estatisticamente principalmente no banco extensor e na barra guiada. Concluímos que esse microciclo de treinamento de força para membros inferiores é eficiente para o ganho de força de membros inferiores em atletas ativos, podendo consequentemente melhorar a performance esportiva do mesmo.

 

ABSTRACT 

Efeito do Treinamento de Força Máxima sobre o Desempenho Motor no Jump Test e no teste de 1RM em atletas de Futsal

The aim of this study was to evaluate and analyze the development of strength athletes in the city of Juatuba MG. The group was formed by 09 athletes of futsal born in 1998 and 1999 (202.6 ± 6.18 months old). The athletes were submitted to the motor ratings as the vertical jump test without the use of arms (IVS) and the 1RM test in the extensor bench and guided bar. Body composition included the evaluation of body fat skinfold Yuhasz 09 / Faulkner (1968) and obtain body mass index (BMI). The subjects were also subjected to two weeks of maximal strength training two days a week and then re-evaluated to measure their strength gains in the lower limbs. The results are shown in their most significant statistically mainly in the extensor bench and guided bar. We conclude that strength training microcycle for lower limbs is effective to gain strength in the lower limbs in active athletes and can therefore improve the sporting performance of the same.


Palavras-chave


Performance; Força; Treinamento físico; Composição corporal

Texto completo:

PDF

Referências


-American College of Sports Medicine. Resource Manual for guidelines for exercise testing and prescription. 4ª edição. USA. 2003.

-Araújo, D.; Cunha, D.; Cunha, D.; Madureira, F.; Colantonio, E.; Guedes, D.P.; Scorcine, C. A influência do treinamento de força no desempenho de jogadores de futsal. Revista Brasileira de Futsal e Futebol. Vol. 6. Núm. 21. p.211-216. 2014. Disponível em:

-Badillo, J.J.G.; Ayestarán, E.G. Fundamentos do treinamento de força: aplicação ao alto rendimento desportivo. Artmed. 2001.

-Barbanti, V.J. Esporte e Atividade Física. Manole. 2002.

-Barbero-Alvarez, J.C.; Soto, V.M.; Barbero-Alvarez, V. Grande-Vera, J. Match analysis and heart rate of futsal players during competition. Jornal of sporte sciences. Vol. 26. Núm. 1. p.63-73. 2008.

-Brooks, G. A.; Fahey, T. D. Exercise physiology: human bionergetics and its applications. New York. Macmillian. 1985.

-Cyrino, E.S.; Altimari, L.R.; Okano, A.H.; Coelho, C.F. Efeitos do treinamento de futsal sobre a composição corporal e o desempenho motor de jovens atletas. Rev. Bras. Ciên. e Mov. Vol.10. Núm.1. p.41-46. 2002.

-Faulkner, J.A. Physiology of swimming and diving. Exercise Physiology. Baltimore. Academic Press. 1968.

-Fernandes, F.J. A Prática da Avaliação Física. Shape. 2ª edição. 2003.

-Fleck, S.J.; Kramer, W.J. Fundamentos do treinamento de força muscular. Artmed. 3ª edição. 2006.

-Gomes, L.P.R. Efeitos do programa de treinamento de resistência de força e pliometria no Vo2máx e no salto vertical de homens fisicamente ativos. Dissertação de Mestrado. Universidade Metodista de Piracicaba. 2009.

-Komi, P.V.; Bosco, C. Utilization of elastic energy in jumping ande its relation to skeletal muscle fiber composition in man. Biomechanics. Vol.1. p.79-84. 1984.

-Materko, W.; Duarte, M.; Santos, E.L.; Junior, H.S. Comparação entre dois sistemas de treino de força no desenvolvimento da força muscular máxima. Rev. Motricidade. Vol. 6. Núm. 2. p.5-13. 2010.

-Moreira, A.; Maia, G.; Lizana, C.R.; Martins, E.A.; Oliveira, P.R. Reprodutibilidade e concordância do teste de salto vertical com contramovimento em futebolistas de elite da categoria sub-21. Rev. da Educação Física. Vol. 19. Núm. 3. p.413-421. 2008.

-Ramalho, G.H.R.O.; Filho, M.L.M.; Rodrigues, B.M.; Venturini, G.R.O.; Salgueiro, R.S.; Júnior, R.L.P.; Matos, D.G. O teste de 1RM para predição da carga no treino de hipertrofia e sua relação com o número máximo de repetições executadas. Rev. Brazilian Journal of Biomotricity. Vol. 5. Núm. 3. p.168-174. 2011.

-Rodrigues, M.E.; Marins, J.C.B. Counter movement e squat jump: análise metodológica e dados normativos em atletas. Rev. Bras. Ciên. e Mov. Vol. 19. Núm. 4. p.108-119. 2011.

-Souza, P.; Garganta, J.; Garganta, R. Estatuto posicional, força explosiva dos membros inferiores e velocidade imprimida à bola no remate em Futebol. Um estudo com jovens praticantes do escalão sub-17. Rev. Portuguesa de Ciências do Desporto. Vol. 3. Núm. 3. p.27-35. 2003.

-Verkhoshanski, I. Treinamento Desportivo: Teoria e metodologia. Artmed. 2001.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBFF - Revista Brasileira de Futsal e Futebol

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Antonio Coppi Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato:aqui