Nível de motivação e coordenação motora em escolares ingressantes em um projeto de Futsal

Vinicius Machado de Oliveira, Thaís Renata da Silva, Marcos Roberto Brasil, Bruna Janaina Estevão, Zacarias Chumlhak, Schelyne Ribas da Silva

Resumo


O presente estudo teve como objetivo investigar a coordenação motora e os aspectos motivacionais atrelados a prática do desporto em escolares ingressantes em um projeto de futsal. A amostra foi composta por 43 alunos, divididos em dois grupos, (G1: 9 a 13 anos e G2: 14 a 16 anos). Para a verificação da coordenação motora foi utilizado a bateria de Körperkoordinationstest Für Kinder (KTK) e para o inquérito da motivação o Questionário de Motivação para as Atividades Desportivas (QMAD). Como tratamento de dados foi realizado a estatística descritiva (média, desvio padrão, frequências absolutas e relativas), Teste T de student para amostras independentes e Correlação Produto Momento de Pearson, todos com p-valor de <0,05 executados no SPSS (v.21.0). Através das análises, não verificou-se diferenças estatisticamente significativas entre os grupos para as tarefas do KTK, logo, a coordenação motora entre os escolares é muito semelhante, o que demonstra que a idade para esse grupo não foi fator de interveniência, embora esperava-se que os mais velhos fossem mais coordenados. Quando foi analisado toda amostra e classificada mediante a coordenação, verificou-se que 58,1% dos alunos apresentaram uma coordenação normal, entretanto aproximadamente 42% apresentaram perturbações e insuficiência na coordenação. Com relação a motivação para a prática esportiva não foram encontradas diferenças significativas entre os grupos, porém foram verificadas correlações significativas entre algumas dimensões motivacionais. Este diagnostico demonstra que os indivíduos realmente necessitam de uma intervenção, para que os componentes da coordenação e os aspectos motivacionais possam ser contemplados e otimizados.

 

ABSTRACT

Motivation levels and motor coordination in school entrants in a futsal project

The present study aimed to investigate the coordination and motivational aspects linked to sports in school entrants in a futsal project. The sample consisted of 43 students, divided into two groups (G1: 9-13 years and G2: 14-16 years). In order to verify motor coordination the KTK test battery was used and for the sports motivation inquiry, the QMAD questionnaire was used. As data processing, descriptive statistics were realized (averages, standard deviations, absolute and relative frequencies), Test T for student was performed for independent samples and Pearson’s Product Moment Correlation, all with <0.05 p-value run in SPSS (v. 21.0). Through the analysis, there was no statistically significant differences between groups for the tasks of KTK, therefore, coordination among students is very similar, which shows that the age for this group was not an intervening factor, although it was expected that older people were more coordinated. When each sample was analyzed and classified by coordination, it was found that 58.1% of the students showed normal coordination, however, approximately 42% had disturbances in the coordination and failure. Regarding the motivation for sports, no significant differences between groups were found, however, significant correlations between some motivational dimensions were verified. This diagnostic shows that the individuals really need an intervention, so that the components of coordination and motivational aspects can be contemplated and optimized.

Palavras-chave


Crianças e Adolescentes; Desempenho Motor; Motivação Esportiva

Texto completo:

PDF

Referências


-Almeida, G. S. N. Desenvolvimento motor e percepção de competência motora na infância. Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Motricidade Humana. Lisboa. 2012.

-Balbinotti, M. A. A.; Zambonato, F.; Barbosa, M. L. L.; Saldanha, R. P.; Balbinotti, C. A. A. Motivação à prática regular de atividades físicas e esportivas: um estudo comparativo entre estudantes com sobrepeso, obesos e eutróficos. Motriz. Vol. 17. Num. 3. p.384-394. 2011.

-Bernardes, A. G.; Yamaji, B. H. S.; Guedes, D. P. Motivos para prática de esporte em idades jovens: Um estudo de revisão. Motricidade. Vol. 11. Num. 2. p.163-173. 2015.

-Biddle, S.; Mutrie, N. Psychology of Physical Activity: Determinants, well-being and interventions. London. Routledge. 2001.

-Brasil, M. R.; Oliveira, V. M.; Chumlhak, Z.; Estevão, B. J.; Silva, T. R.; Silva, S. R. Associação entre (in) satisfação com a imagem corporal, estado nutricional e nível de coordenação motora em crianças e adolescentes de projetos esportivos. Cinergis. Vol. 16. Num. 2. p.1-5. 2015.

-Braz, T. V.; Arruda, M. Diagnóstico do desempenho motor em crianças e adolescentes praticantes de futebol. Movimento & Percepção. Espírito Santo do Pinhal. Vol. 9. Num. 13. p.7-30. 2008.

-Carminato, R. A. Desempenho motor de escolares através da bateria de testes KTK. Dissertação de Mestrado. Universidade Federal do Paraná. 2010.

-Collet, C.; Folle, A.; Pelozin, F.; Botti, M.; Nascimento, J. V. Nível de coordenação motora de escolares da rede estadual da cidade de Florianópolis. Motriz. Vol. 14. Num. 4. p.373-380. 2008.

-Deus, R. K. B. C.; Bustamante, A.; Lopes, V. P.; Seabra, A. F. T.; Silva, R.M. G.; Maia, J. A. R. Modelação longitudinal dos níveis de coordenação motora de crianças dos seis aos 10 anos de idade da Região Autônoma dos Açores, Portugal. Revista Brasileira Educação Física e Esporte. Vol. 24. Num. 2, p.259-73. 2010.

-Deus, R. K. B. C.; Bustamante, A.; Lopes, V. P.; Seabra, A. F. T.; Silva, R. M. G.; Maia, J. A. R. Coordenação motora: estudo de tracking em crianças dos 6 aos 10 anos da Região Autônoma dos Açores, Portugal. Revista Brasileira de Cineantropometria e Desempenho Humano. Vol. 10. Num. 3. p.215-222. 2008.

-Faustino, A. J. D.; Pires, T. R.; Oliveira, V. R. Os efeitos da actividade física regular no desenvolvimento infanto-juvenil. Estudo no 1º ciclo do ensino básico, 2º ano de escolaridade. Revista do Departamento de Educação Física e Artística. Vol. 5. p.515-524, 2004.

-Fernandes, R. A motivação para a prática de natação de competição em atletas pré-juniores e juniores-seniores. In. Fonseca. A. Estudos sobre a motivação. Porto. FCDEF. 2001.

-Fonseca, A.; Freitas, N.; Frade, V. Estudo da relação entre a idade dos atletas e os seus motivos para a prática do futebol em equipas federadas da região de Coimbra. In. Fonseca. A. Estudos sobre a motivação. Porto. FCDEF. 1998.

-Gallahue, D. L.; Ozmun, J. C. Compreendendo o desenvolvimento motor: Bebês, crianças, adolescentes e adultos. 3.Ed. São Paulo. Phorte. 2005.

-Gill, D.; Gross, J.; Huddleston, S. Participation Motivation in Youth Sports. International Journal of Sport Psychology. Vol. 14. p.1-14. 1983.

-Gomes, M. P. B. B. Coordenação, aptidão física e variáveis do envolvimento. Estudo em crianças do 1o ciclo de ensino de duas freguesias do concelho de Matosinhos. Tese de Doutorado. Universidade do Porto. Porto. 1996.

-Gorla, J. I.; Araújo, P. F.; Rodrigues, J. L. Avaliação motora em educação física adaptada. São Paulo. Phorte. 2009.

-Haywood, K.; Getchell, N. Life span motor development. 5th Edition. Human Kinetics. 2009.

-Januário, N.; Colaço, C., Rosado, A., Ferreira, V., Gil, R. Motivação para a prática desportiva nos alunos do ensino básico e secundário: Influência do género, idade e nível de escolaridade. Revista Motricidade. Vol. 8. Num. 4. p.38-51. 2012.

-Krebs, R. J.; Duarte, M. G.; Nobre, G. C.; Nazário, P. F.; Santos-Libardoni, J. O. Relação entre escores de desempenho motor e aptidão física em crianças com idades entre 07 e 08 anos. Revista Brasileira de Cineantropometria e Desempenho Humano. Vol. 13. Num. 2. p. 94-99. 2011.

-Lopes, L. C. O. Actividade física, recreio escolar e desenvolvimento motor: Estudos exploratórios em crianças do 1.o ciclo do ensino básico. Dissertação de Mestrado. Universidade do Minho. Portugal. 2006.

-Lopes, V. P.; Santos, R.; Oliveira, P. B. Associações entre actividade física, habilidades e coordenação motora em crianças portuguesas. Revista Brasileira de Cineantropometria e Desempenho Humano. Vol. 13. Num. 1. p.15-21. 2011.

-Oliveira, A. A. B.; Teixeira, C. A.; Rechenchosky, L.; Filho, A. O.; Prati, A. C.; Costa, L. A.; Silva, S. R.; Lima, S. T.; Pereira, V.R. Motivação para a prática esportiva: Programa Segundo Tempo, Região 16. EFDeportes.com. Revista Digital. Buenos Aires. Ano. 15. Num. 150. 2010.

-Pelozin, F.; Folle, A.; Collet, C.; Botti, M.; Nascimento, J. V. Nível de coordenação motora de escolares de 09 a 11 anos da rede estadual de ensino da cidade de Florianópolis/sc. Revista Mackenzie de Educação Física e Esporte. Vol. 8. Num. 2. p.123-132. 2009.

-Polles, M. C. Barbosa, C. C. L. Motivação de adolescentes de 10 a 18 anos em participar de projetos que envolvam a prática de atividades físicas. Diálogos & Saberes. Vol. 8. Num. 1. p. 247-265. 2012.

-Ramos, O. F.; Menon, L. Nível de coordenação motora em crianças que praticam futsal no município de Prudentópolis, Pr. EFDeportes.com. Revista digital. Buenos Aires. Ano. 16. Num. 156. 2011.

-Saker, A. R. P. M.; Neto, A. J. L.; Oliveira, L. S.; Sousa, M. S. C, Carvalhal, M. I. M. M. Avaliação da coordenação corporal pelos escores da bateria de testes KTK em escolares do ensino fundamental. Coleção Pesquisa em Educação Física. Vol. 11, Num.1. p.89-98. 2012.

-Serpa, S. Motivação para a prática desportiva: Validação preliminar do questionário de motivação para as actividades desportivas-QMAD. In. Sobral, F.; Marques, A. FACDEX: Desenvolvimento somato-motor e factores de excelência desportiva na população escolar portuguesa. Lisboa. Ministério da Educação. 1992. p.89-97.

-Strapasson, A. M.; Baessa, D. J.; Silva, A. A. C; Pereira, T.; Faria, F. R. Avaliação da coordenação motora de crianças e adolescentes que treinam e que não treinam badminton. EFDeportes.com. Revista Digital. Buenos Aires. Ano. 17, Num. 171. 2012.

-Thomas, J. R.; Nelson, J. K.; Silverman, S. J. Métodos de pesquisa em atividade física. 3ª edição. Porto Alegre. Artmed. 2007.

-Valdivia, A. V.; Cartagena, L. C.; Sarria, N. E.; Távara, I. S.; Seabra, A. F. T.; Silva, R. M. G.; Maia, J. A. R. Coordinación motora: influência de la idad, sexo, estatus socioeconômico y niveles de adiposidad en niños peruanos. Revista Brasileira de Cineantropometria e Desempenho Humano. Vol. 10. Num. 1. p.25-34. 2008.

-Valentini, N. C. A influência de uma intervenção motora no desempenho motor e na percepção de competência de crianças com atrasos motores. Revista Paulista de Educação Física. Vol. 16. Num. 1. p.61-75. 2002.

-Winterstein P. J. Motivação, educação física e esporte. Revista Paulista de Educação Física. Vol. 6, Num. 1. p.53-61. 1992.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBFF - Revista Brasileira de Futsal e Futebol

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Antonio Coppi Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato:aqui