A motivação para prática do Futsal: Um estudo com atletas na faixa etária entre 13 e 18 anos

Rogério da Cunha Voser, Cezar Mauricio Moreira, Patrícia Eloí Gomes Voser, José Augusto Evangelho Hernandez

Resumo


Este estudo quantitativo, descritivo e exploratório objetivou verificar a motivação para o esporte de 50 atletas de futsal, do sexo masculino, com idades entre 13 e 18 anos, distribuídas nas seguintes categorias: Sub-14 (16 atletas), Sub-16 (17 atletas) e Sub-18 (17 atletas), representando o município de Caxambu do Sul nos campeonatos organizados pela Fesporte (Joguinhos, Olesc e Jesc). Como instrumento de coleta de dados, foi utilizado a "Escala de Motivos para Prática Esportiva" (EMPE), a qual foi validada por Barroso (2007) para população brasileira e é composta por 33 questões com escala do tipo Likert. Este instrumento possui 7 dimensões motivacionais, assim denominadas: status, condicionamento físico, energia, contexto, técnica, afiliação e saúde. A análise dos resultados foi obtida por meio do programa Statistical Package for Social Science for Windows (SPSS), versão 20.0. Ao analisar todos os sujeitos da pesquisa, os resultados apontaram que os fatores saúde, afiliação e aperfeiçoamento técnico foram os mais importantes, seguidos por condicionamento físico, status, liberação de energia, e contexto. Apenas na dimensão Condicionamento Físico constatou-se diferença estatística significativa, pela Análise de Variância. O teste de follow up de Scheffé identificou que esta diferença é entre a SUB-16 (M=9,3) e a SUB-18 (M=8,7). Nas outras dimensões, não houve nenhuma diferença estatística significativa entre as categorias examinadas. Espera-se que esta pesquisa possa estimular novos estudos na área e servir de base como referencial teórico para as ações durante o treinamento.

 

ABSTRACT 

The motivation to practice Futsal: A study with athletes aged between 13 and 18 years old

This quantitative, descriptive and exploratory study aimed to verify the motivation for the sport of 50 futsal male athletes, aged 13 to 18, distributed in the following categories: Sub-14 (16 athletes), Sub-16 (17 athletes) and Sub-18 (17 athletes), representing the city of South Caxambu in championships organized by Fesporte (Joguinhos, Olesc and Jesc). The Escala de Motivos para Prática Esportiva (Reasons Scale for Sports Practice), was used as data collection instrument. This was validated by Barroso (2007) for Brazilian population and consists of 33 questions with Likert scale. This instrument has seven motivational dimensions, determined in the following way: status, physical fitness, energy, environment, technical, membership and health. The SPSS (Statistical Package for Social Science for Windows), version 20.0 was used for obtaining the results. By analyzing all the subjects, the results indicated that health factors, affiliation and technical development were the most important, followed by physical fitness, status, power release, and context. There was significant statistical difference, by analysis of variance only in the dimension Physical Conditioning. The Scheffé's follow up test found that this difference is between the SUB-16 (M = 9.3) and the SUB-18 (M = 8.7).There was no statistically significant difference between the categories examined in other dimensions. It is hoped that this research will stimulate further studies in the area and serve as a theoretical basis for the actions during training.

Palavras-chave


Futsal; Motivação; Psicologia do esporte

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBFF - Revista Brasileira de Futsal e Futebol

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Antonio Coppi Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato:aqui