Efeito da idade relativa na Copa do Mundo FIFA sub-17 de 2019

  • Ian Alves Prado Centro Universitário Governador Ozanam Coelho - UNIFAGOC, Brasil.
  • Luciano Bernardes Leite Departamento de Educação Física, Universidade Federal de Viçosa, Viçosa-MG, Brasil.
  • Davi Correia da Silva Centro Universitário Governador Ozanam Coelho - UNIFAGOC, Brasil.
  • Daniela Gomes Rosado Centro Universitário Governador Ozanam Coelho - UNIFAGOC, Brasil.
  • Victor Neiva Lavorato Centro Universitário Governador Ozanam Coelho - UNIFAGOC, Brasil.
Palavras-chave: Efeito da idade relativa, Futebol, Categoria de base, Copa do Mundo

Resumo

No futebol, assim como em outros esportes, existem jogadores que se destacam e estudos apontam que o efeito da idade relativa e um fator para o sucesso desses jogadores. Tal efeito contribui para que os jogadores nascidos nos primeiros meses do ano desenvolvam vantagens em relação aos demais. O objetivo do estudo foi verificar o efeito da idade relativa na Copa do Mundo FIFA® Sub-17 categoria masculina, disputada no ano de 2019. Foi realizado um estudo com indivíduos do sexo masculino pertencentes às 24 seleções do torneio que aconteceu em outubro de 2019. Os jogadores foram separados por datas de nascimento, e divididos em trimestres (quartis). Os resultados mostraram que o efeito da idade relativa se fez presente entre os atletas da Copa do Mundo FIFA® Sub-17. Quando foi realizada a comparação entre os quartis de nascimento nas diferentes posições, observou que entre os goleiros houve diferença apenas entre o Q1xQ3, entre os defensores e meio campistas houve diferença entre Q1XQ4, Q2XQ4, Q3X4, já entre os atacantes houve diferença entre o Q1XQ3 E Q1XQ4. Concluiu-se que ocorreu o efeito da idade relativa para os atletas que disputaram a Copa do Mundo FIFA® de futebol masculino sub-17.

Referências

-Barnsley, R. H.; Thompson, A.H. Birthdate and success in minor hockey: The key to the NHL. Canadian Journal of Behavioural Science/Revue canadienne des sciences du comportement. Vol. 20. Núm. 2. p. 167. 1988.

-Barnsley, R.H.; Thompson, A.H.; Barnsley,P. E. Hockey success and birthdate: The relative age effect. Canadian Association for Health, Physical Education, and Recreation. Vol. 51. Núm. 1. p. 23-28. 1985.

-Costa, O.G.; Paula, H.L. B. D.; Coelho, E.F.; Ferreira, R.M.; Werneck, F. Z. O efeito da idade relativa: análise da Copa do Mundo FIFA 2014. 2014.

-Costa, V.T.; Simim, M.A.; Noce, F.; Costa,I. T.; Samulski, D.M.; Moraes, L.C. Comparison of relative age of elite athletes participating in the 2008 Brazilian soccer championship series A and B. Motricidade. Vol. 5. Núm. 3. p.13-17. 2009.

-Cruz, R. M. A formação de atletas de futebol: um estudo na categoria sub-15 do Cruzeiro Esporte Clube, Belo Horizonte-MG. Revista Brasileira de Futsal e Futebol. São Paulo. Vol. 4. Núm. 13. 2012.

-Delorme, N.; Boiché, J.; Raspaud, M. Relative age and dropout in French male soccer. Journal of sports sciences. Vol. 28. Núm. 7. p. 717-722. 2010.

-Delorme, N.; Raspaud, M. The relative age effect in young French basketball players: a study on the whole population. Scandinavian journal of medicine & science in sports. Vol. 19. Núm. 2. p. 235-242. 2009.

-Dickinson, D.J.; Larson, D.J. The effects of chronological age in months on school achievement. The Journal of Educational Research. Vol. 56. Núm. 9. p. 492-493. 1963.

-Edgar, S.; O'Donoghue, P. Season of birth distribution of elite tennis players. Journal of sports sciences. Vol. 23. Núm. 10. p. 1013-1020. 2005.

-Guily, M. Mois de naissance et réussite scolaire. Enfance. Vol. 18. Núm. 4. p. 491-503. 1965.

-Gomes, R.A.; Leite, L.B.; Rezende, L.M.T.; Carmo Salles, J.G. Efeito da idade relativa e trajetória esportiva: uma análise de jovens atletas indicados ao prêmio Golden Boy. Revista Brasileira de Futsal e Futebol. São Paulo. Vol. 13. Núm. 53. p. 349-354. 2021.

-Helsen, W.F.; Van Winckel, J.; Williams, A.M. The relative age effect in youth soccer across Europe. Journal of sports sciences. Vol. 23. Núm. 6. p. 629-636. 2005.

-Malina, R.M.; Bouchard, C.; Bar-Or, O. Crescimento maturação e atividade física. 2ª edição. Phorte. 2009.

-Marques, P.R.R.; Pinheiro, E.D.S.; Coswig, V.S. Efeito da idade relativa sobre a seleção de atletas para as categorias de base de um clube de futebol. Revista Brasileira de Ciências do Esporte. Vol. 41. p. 157-162. 2018.

-Massa, M.; Costa, E.C.; Moreira, A.; Thiengo, C.R.; Lima, M.R.; Marquez, W.Q.; Aoki, M. S. The relative age effect in soccer: a case study of the São Paulo Football Club. Revista Brasileira de Cineantropometria e Desenvolvimento Humano. Vol. 16. Núm. 4. 2014.

-Matta, M.O.; Figueiredo, A.J.; Garcia, E.S.; Werneck, F.Z.; Seabra, A. Relative age effect on anthropometry, biological maturation and performance of young soccer players. Revista Brasileira de Cineantropometria e Desenvolvimento Humano. Vol. 17. Núm. 3. 2015.

-Okazaki, F.H.; Keller, B.; Fontana, F E.; Gallagher, J.D. The relative age effect among female Brazilian youth volleyball players. Research quarterly for exercise and sport. Vol. 82. Núm. 1. p. 135-139. 2011.

-Rabelo, F.N.; Pasquarelli, B.N.; Matzenbacher, F.; Campos, F.A.D.; Osiecki, R.; Dourado, A.C.; Stanganelli, L. C. R. Efeito da idade relativa nas categorias do futebol brasileiro: critérios de seleção ou uma tendência populacional?. Revista Brasileira de Ciências do Esporte. Vol. 38. p. 370-375. 2016.

-Schorer, J.; Baker, J.; Büsch, D.; Wilhelm, A.; Pabst, J. Relative age, talent identification and youth skill development: Do relatively younger athletes have superior technical skills. Talent Development and Excellence. Vol. 1. Núm. 1. p. 45-56. 2009.

-Schorer, J.; Cobley, S.; Büsch, D.; Bräutigam, H.; Baker, J. Influences of competition level, gender, player nationality, career stage and playing position on relative age effects. Scandinavian journal of medicine & science in sports. Vol. 19. Núm. 5. p. 720-730. 2009.

-Till, K.; Cobley, S.; Wattie, N.; O'hara, J.; Cooke, C.; Chapman, C. The prevalence, influential factors and mechanisms of relative age effects in UK Rugby League. Scandinavian journal of medicine & science in sports. Vol. 20. Núm. 2. p. 320-329. 2010.

-Williams, J. H. Relative age effect in youth soccer: analysis of the FIFA U17 World Cup competition. Scandinavian journal of medicine & science in sports. Vol. 20. Núm. 3. p. 502-508. 2010.

Publicado
2022-06-20
Como Citar
Prado, I. A., Leite, L. B., Silva, D. C. da, Rosado, D. G., & Lavorato, V. N. (2022). Efeito da idade relativa na Copa do Mundo FIFA sub-17 de 2019. RBFF - Revista Brasileira De Futsal E Futebol, 14(57), 154-160. Recuperado de http://www.rbff.com.br/index.php/rbff/article/view/1238
Seção
Artigos Cientí­ficos - Original

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##