Conscientização sobre concussão cerebral e efeitos de educação e avaliação pré temporada em melhoria do diagnóstico e acompanhamento nas equipes profissionais do Campeonato Brasiliense de Futebol

  • Moacir Silva Neto Instituto de Pesquisa e Ensino do Hospital HOME, Centro Médico de Excelência da FIFA (IPE/HOME), Brasília-DF, Brasil.
  • Ana Carolina Salazar Albuquerque Programa de Iniciação Científica (PIC), Centro Universitário de Brasília (UniCEUB), Brasília-DF, Brasil.
  • Camila Rodrigues Ribeiro Programa de Iniciação Científica (PIC), Centro Universitário de Brasília (UniCEUB), Brasília-DF, Brasil.
  • Pedro Henrique Crema Duarte Instituto de Pesquisa e Ensino do Hospital HOME, Centro Médico de Excelência da FIFA (IPE/HOME), Brasília-DF, Brasil.
  • Gabriel Xavier Ramalho Programa de Iniciação Científica (PIC), Centro Universitário de Brasília (UniCEUB), Brasília-DF, Brasil.
  • Aline Lamounier Gonçalves Programa de Iniciação Científica (PIC), Centro Universitário de Brasília (UniCEUB), Brasília-DF, Brasil.
  • Paulo Lobo Instituto de Pesquisa e Ensino do Hospital HOME, Centro Médico de Excelência da FIFA (IPE/HOME), Brasília-DF, Brasil.
  • Marcio de Paula Oliveira Instituto de Pesquisa e Ensino do Hospital HOME, Centro Médico de Excelência da FIFA (IPE/HOME), Brasília-DF, Brasil.
Palavras-chave: Concussão cerebral, Futebol, Incidência, Diagnóstico

Resumo

O objetivo deste estudo foi realizar uma análise retrospectiva e prospectiva da incidência de CC em atletas participantes do Campeonato Brasiliense de Futebol e avaliar possíveis efeitos de um programa de educação e avaliação pré-temporada no diagnóstico e tratamento de concussão prospectivamente. Materiais e Métodos: Uma palestra foi realizada às equipes no Centro Médico de Excelência da FIFA, por um médico especialista, sobre os principais aspectos dessa lesão. Atletas profissionais de futebol da quarta divisão foram questionados sobre sua história de concussão e se haviam recebido um diagnóstico médico. Os atletas também realizaram testes cognitivos computadorizados e testes clínicos. Durante o campeonato, os pesquisadores estavam em contato semanal com as equipes para determinar a incidência de concussão. Discussão: A incidência observada neste estudo (7%), apesar de poder ter sido subnotificada, foi compatível com os achados literários citados. A literatura é consensual em apontar constantes falhas no diagnóstico dessa lesão, concluindo em diversos estudos que as estimativas sobre concussão cerebral são subestimadas. Resultados: 187 atletas do gênero masculino, idade média de 25.2, federados à FBF. Destes, 24,6% relataram que já haviam tido concussão prévia, porém somente um havia obtido o diagnóstico médico. 4 concussões foram diagnosticadas na temporada. Conclusão: Muitos atletas já haviam sofrido concussão anteriormente sem diagnóstico adequado. O programa educacional surtiu bom efeito no aumento do diagnóstico de concussão e melhor acompanhamento dos atletas. Demonstrou-se elevada incidência de concussão cerebral nos atletas de futebol profissional.

Referências

-Broglio, S.P.; Cantu, R.C.; Gioia, G.A.; Guskiewicz, K.M.; Kutcher, J.; Palm, M.; McLeod, T.C.V. National Athletic Trainers' Association Position Statement: Management of Sport Concussion J Athl Train. Vol. 49. Núm. 2. 2014. p. 245-265.

-Broglio, S.P.; Guskiewicz, K.M. Concussion in Sports: The Sideline Assessment. Sports Health. Vol. 1.2009.

-Cochrane, G.D.; Owen, M.; Ackerson, J.D.; Hale, M.H.; Gould, S. Exploration of US men's professional sport organization concussion policies. Phys Sportsmed. Vol. 45. Núm. 2. p.178-183. 2017.

-Gaspar, A.P.; Ingham, S.J.M.; Sasaki, R.; Chamlian, T.R. Med. reabil. Vol. 25. Núm. 2. 43-45. 2006.

-Harmon, K.G.; Drezner, J.A.; Gammons, M.; Guskiewicz, K.M.; Halstead, M.; Herring, S.A.; Kutcher, J.S.; Pana, A.; Putukian, M.; Roberts, W.O. American Medical Society for Sports Medicine position statement: concussion in sport. British Journal of Sports Medicine. Vol. 47. p.15-26. 2013.

-Ianof, J.N.; Freire, F.R.; Calado, V.T.G.; Lacerda, J.R.; Coelho, F.; Veitzman, S.; Schmidt, M.T.; Machado, S.; Velasques, B.; Ribeiro, P.; Basile, L.F.H.; Paiva, W.S.; Amorim, R.; Anghinah, R. Sport-related concussions. Dement Neuropsychol. Vol. 8. Núm. 1. p.14-19. 2014.

-Junge, A.; Langevoort, G.; Pipe, A.; Peytavin, A.; Wong, F.; Mountjoy, M.; Beltrami, G.; Terrell, R.; Holzgraefe, M.; Charles, R.; Dvorak, J. Injuries in team sport tournaments during the 2004 Olympic Games. Am J Sports Med. Vol. 34. Núm. 4. p.565-76. 2006.

-Junge, A.; Dvořák, J. Football injuries during the 2014 FIFA World Cup. Br J Sports Med. Vol. 49. p. 599-602. 2015.

-Koh, J.O.; Cassidy, J.D. Incidence study of head blows and concussions in competition taekwondo. Clin J Sport Med. Vol. 14. Núm. 2. p.72-9. 2014.

-Levy, M.L.; Kasasbeh, A.S.; Baird, L.C.; Amene, C.; Skeen, J.; Marshall, L. Concussions in Soccer: A Current Understanding. World Neurosurgery. 2012.

-Langlois, J.A.; Rutland-Brown, W.; Wald, M.M. The epidemiology and impact of traumatic brain injury: a brief overview. J Head Trauma Rehabil. Vol. 21 p.375-378. 2006.

-McCrory, P.; Meeuwisse, W.; Dvorak, J.; Aubry, M.; Bailes, J.; Broglio, S.; Cantu, R.C.; Cassidy, D.; Echemendia, R.J.; Castellani, R.J.; Davis, G.A.; Ellenbogen, R.; Emery, C.; Engebretsen, L.; Feddermann-Demont, N.; Giza, C.G.; Guskiewicz, K.M.; Herring, S.; Iverson, G.L.; Johnston, K.M.; Kissick, J.; Kutcher, J.; Leddy, J.J.; Maddocks, D.; Makdissi, M.; Manley, G.T.; McCrea, M.; Meehan, W.P.; Nagahiro, S.; Patricios, J.; Putukian, M.; Schneider, K.J.; Sills, A.; Tator, C.H.; Turner, M.; Vos, P.E. Consensus Statement on Concussion In Sport - The 5th International Conference on Concussion in Sport Held in Berlin, October 2016. British Journal of Sports Medicine. Vol. 51. Núm. 11. 2017.

-Manning, M.R.; Levy, R.S. Soccer. Phys Med Rehabil Clin N Am. Vol. 17. 2006. p.677-695.

-Neto, M.S.; Lobo, P.L.; Oliveira, M.; Albuquerque, A.C.S.; Crema, P.H. FIFA Medical Centre of Excellence Meeting. London. 28 April. 2019.

-O’Kane, J.W.; Spieker, A.; Levy, M.R.; Neradilek, M.; Polissar, N.L.; Schiff, M.A. Concussion Among Female Middle-School Soccer Players. JAMA Pediatr. Vol. 168. Núm. 3. p.258-264. 2014.

-Pedrinelli, A.; Filho, G.A.R.C.; Thiele, E.S.; Kullak, O.P. Estudo epidemiológico das lesões no futebol profissional durante a Copa América de 2011. Rev. bras. Ortop. Vol. 48. Num. 2. 2013.

-Rodrigues, A.C.; Lasmar, R.P.; Caramelli, P. Effects of Soccer Heading on Brain Structure and Function. Frontiers in Neurology. Vol. 7. Núm. 38. 2016.

-Ross, K.G.; Wasserman, E.B.; Dalton, S.L.; Gray, A.; Djoko, A.; Dompier, T.P.; Kerr, Z.Y. Epidemiology of 3825 injuries sustained in six seasons of National Collegiate Athletic Association men's and women's soccer (2009/2010-2014/2015). Br J Sports Med. Vol. 51. Núm. 13. 2017. p. 1029-1034.

-Sandel, N.K.; Lovell, M.R.; Kegel, N.E.; Collins, M.W.; Kontos, A.P. The relationship of symptoms and neurocognitive performance to perceived recovery from sports-related concussion among adolescent athletes. Appl Neuropsychol Child. Vol. 2. Núm. 1. p.64-9. 2013.

Publicado
2021-07-17
Como Citar
Silva Neto, M., Albuquerque, A. C. S., Ribeiro, C. R., Duarte, P. H. C., Ramalho, G. X., Gonçalves, A. L., Lobo, P., & Oliveira, M. de P. (2021). Conscientização sobre concussão cerebral e efeitos de educação e avaliação pré temporada em melhoria do diagnóstico e acompanhamento nas equipes profissionais do Campeonato Brasiliense de Futebol. RBFF - Revista Brasileira De Futsal E Futebol, 13(52), 137-145. Recuperado de http://www.rbff.com.br/index.php/rbff/article/view/1083
Seção
Artigos Cientí­ficos - Original