Níveis de aptidão fí­sica e perfil antropométrico de atletas profissionais de futebol feminino que atuam em diferentes posições

  • Karla Chaves Loureiro Faculdade Sogipa, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil.
  • Rodrigo Ferrari Faculdade Sogipa, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. 2 - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil.
Palavras-chave: Futebol feminino, Preparação física, Avaliação física

Resumo

O futebol é caracterizado como uma modalidade ací­clica, que exige das atletas um excelente condicionamento fí­sico. Pela constante evolução do futebol feminino, faz-se necessário identificar e analisar todas as variáveis fí­sicas da modalidade. Objetivo: Analisar os ní­veis de aptidão fí­sica e o perfil antropométrico de atletas profissionais de futebol feminino que atuam em diferentes posições.  Materiais e Métodos: 32 atletas de futebol feminino no Brasil que atuam em diferentes posições (Go goleiras, Za zagueiras, La laterais, Vo volantes, Me meio campistas, At atacantes), realizaram avaliações no perí­odo competitivo: avaliação antropométrica, capacidade aeróbica, potência anaeróbica e potência de membro inferior. Resultados: Go apresentaram maior estatura, menor capacidade aeróbica e melhor potência de membro inferior comparada as demais posições. As Vo obtiveram a melhor desempenho na avaliação de potência anaeróbica e capacidade aeróbica comparada as demais posições, e em comparação com as Za, La, Me e At, obtiveram a melhor performance de potência muscular de membros inferiores. As Za obtiveram o maior valor em percentual de gordura, e menor capacidade aeróbica comparada com La, Me, Vo e At. As La apresentaram o menor resultado no teste de potência muscular de membros inferiores. Conclusão: Os ní­veis de aptidão fí­sica de atletas profissionais de futebol feminino são influenciados pelas diferentes demandas exigidas durante uma partida de acordo com a posição de jogo de cada atleta.

Referências

-Balikian, P.; e colaboradores Consumo Máximo de oxigênio e limiar anaeróbico de jogadores de futebol: comparação entre diferentes posições. Rev Bras Med Esporte. Vol. 8. Núm. 2. 2002.

-Boileau, R.A.; Lohman, T.G. The mensurement of human physique and its effects on physical performance. Orthopedic Clinic of North America. Vol. 8. Núm. 3. p.563-581. 1997.

-Campeiz, J.M.; Oliveira, P.R. Análise comparativa de variáveis antropométricas e anaeróbias de futebolistas profissionais, juniores e juvenis. Revista Movimento & Percepção. Vol. 8. Num. 6. 2006. p.58-84.

-Carpes, L. O.; Geremia, J. M.; Ferrari, R. Níveis de Aptidão Física de Jogadores Profissionais de Futebol que Atuam em Diferentes Posições no Jogo. Revista Brasileira de Futsal e Futebol. São Paulo. Vol. 11. Núm. 44. p.421429. 2019.

-Cetolin, T.; Foza, V.; Silva, J. F.; Guglielmo, L. G.; Siqueira, O. D.; Cardoso, M. F.; Crescente, L. A. B. Comparação de potência anaeróbica entre posições táticas em jogadores de futebol: estudo retrospectivo. Revista Brasileira de Cineantropometria e Desempenho Humano. Vol. 15. Núm. 4. p.507-516. 2012.

-Coelho, D. B.; Pimenta, E. M.; Veneroso, C. E.; Morandi, R. F.; Pacheco, D. A. S.; Pereira, E. R.; Coelho, L. G. M.; Silami-Garcia, E. Assessment of acute physiological demand for soccer. Revista Brasileira de Cineantropometria e Desempenho Humano. Vol. 15. Num. 6. p. 667-676. 2013.

-Faulkner, J. A. Physiology of swimming and diving. In: Falls H. Exercise physiology. Baltimore. Academic Press. p.415-446. 1968.

-Hespanhol, J.E.; Arruda, M.; Bolaños, M.A.C.; Silva, R.L.P. Sensibilidade e especificidade do diagnóstico de desempenho da força por diferentes testes de saltos verticais em futebolistas e voleibolistas na puberdade. Revista Brasileira de Medicina do esporte. Vol. 5. Núm. 19. 2013.

-Junior, F. P.; Crescente, L. B.; Cardoso, M.; Siqueira, O. D. VO2 máximo e composição corporal em atletas de futebol da catergoria juniors. EFDeportes.com. Revista Digital. Buenos Aires. Ano 15. Núm. 151. 2010.

-Krustrup, P.; e colaboradores. The Yo-Yo IR2 test: physiological response, reliability, and application to elite soccer. Med Sci Sports Exerc. Vol. 38. p.1666-73. 2006.

-Lizina, C. Análise da potência aeróbia de futebolistas por meio de teste de campo e teste laboratorial. Rev Bras Med Esporte. Vol. 20. Núm. 6. 2014.

-Maciel, W. P.; Caputo, E.; Silva, M. Distância percorrida por jogadoras de futebol de diferentes posições durante uma partida. Rev. Bras. Ciênc. Esporte. Vol. 33. Núm. 2. p.465-474. 2011.

-Metaxas, T.I.; Koutlianos, N.A.; Kouidi, E.J.; Deligiannis, A.P. Comparative study of field and laboratory tests for the evaluation of aerobic capacity in soccer players. Journal of strength and conditioning research / National Strength & Conditioning Association. Vol. 19. Núm. 1. p.79-84. 2005.

-Reilly, T. Aspectos Fisiológicos Del Fútbol. Publice Standard. Num. 3. p.9-15. 2014.

-Reilly, T.; Bangsbo, J.; Franks, A. Anthropometric and physiological predispositions for elite soccer. J Sports Sci. Vol. 18. Núm. 9. p.669-83. 2000.

-Silva Neto, L. G. Mudanças nas variáveis de aptidão física numa equipe de futebol da 1ª divisão do campeonato nacional durante uma pré-temporada. Tese de Doutorado. Faculdade de Educação Física da Universidade Estadual de Campinas. Campinas-SP. 2006.

-Stolen, T.; Chamari, K.; Castagna, C.; Wisløff, U. Physiology of Soccer. Sports Med. Vol. 35. Núm. 6. p. 501-536. 2005.

-Verardi, C.E.L.; Neiva, C.M.; Pessoa Filho, D.M.; Nagamine, K.K.; Miyazaki, M.C.O.S. Estratégias de enfrentamento em jogadores de futebol. Revista brasileira de Ciência e Movimento. Vol. 19. Núm. 4. p.60-67. 2011.

-Wisloff, U. C.; Castagna, J.; Helgerud, R.; Jones, J. H. Strong correlation of maximal squat strength with sprint performance and vertical jump height in elite soccer players. Br J Sports Med. Vol. 38. p.285-288. 2004.

-Wisloff, U.; Helgerud, J.; Hoff, J. Strength and endurance of elite soccer players. Medicine & Science in Sports & Exercise. Vol. 30. Núm. 3. p.462-667. 1998.

-Weineck, J. Futebol Total: o treinamento físico no futebol. São Paulo. Phorte. 2000.

Publicado
2021-05-09
Como Citar
Loureiro, K. C., & Ferrari, R. (2021). Níveis de aptidão fí­sica e perfil antropométrico de atletas profissionais de futebol feminino que atuam em diferentes posições. RBFF - Revista Brasileira De Futsal E Futebol, 12(51), 665-670. Recuperado de http://www.rbff.com.br/index.php/rbff/article/view/1019
Seção
Artigos Cientí­ficos - Original